Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Telefone

(67) 99197-5960

Fale pelo whatsapp

(67) 9 9197-5960
sobre o escritório

SOBRE A PSICÓLOGA
TASSIANA N CRUZ SILVA
CRP 14/08012-7

Sou apaixonada por psicologia e pela singularidade do ser humano.

A minha missão é auxiliar as pessoas, principalmente as que possuem algum tipo de sofrimento ou dificuldades e que desejam desenvolver maneiras de conduzir a sua vida e o relacionamento com as pessoas ao seu redor, da melhor forma possível.

A psicologia pode contribuir com a melhora da qualidade de vida de todo indivíduo.

Sou formada pela Universidade Anhanguera Uniderp de Campo Grande - MS, fiz Pós graduação em Terapia Cognitivo Comportamental, Psicologia Forense e formação em Perícia Psicológica e Hipnose Transformacional. 

Trabalho como Perita Credenciada na Polícia Federal para aptidão manuseio Arma de Fogo.

 

Trabalho como Assistente Técnico no TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE MATO GROSSO DO SUL (TJMS).


Tenho 5 anos de experiência na área da Psicologia Clínica e Avaliação Psicológica. Utilizo da abordagem TCC Terapia Cognitivo Comportamental nos atendimentos de Psicoterapia.

Clique nos botões abaixo, entre em contato e agende uma avaliação inicial para conhecer o processo de psicoterapia ou outro serviço que tenha interesse. 

Áreas de atuação

A psicoterapia/terapia é um processo terapêutico que visa tratar questões emocionais, comportamentais, cognitivas e psicológicas de uma pessoa através de conversas e técnicas psicológicas. É uma forma de terapia que busca promover mudanças positivas na vida do indivíduo, ajudando-o a entender seus pensamentos, emoções e comportamentos, e desenvolver estratégias para lidar com desafios e dificuldades.

A psicoterapia pode ser de curto prazo, focada em problemas específicos e objetivos definidos, ou de longo prazo, quando as questões são mais complexas ou profundas.

 

Minha especialidade:

Terapia cognitivo-comportamental (TCC): Concentra-se em identificar e modificar padrões de pensamento disfuncionais e comportamentos inadequados que contribuem para problemas emocionais.

 

Durante as sessões de terapia, o paciente é encorajado a expressar seus pensamentos, sentimentos e preocupações, enquanto o terapeuta atua como facilitador, oferecendo apoio, insights, orientação e desafios construtivos. O processo terapêutico é baseado na confidencialidade e no respeito mútuo entre cliente e terapeuta.

A psicoterapia pode ser benéfica para uma variedade de problemas, incluindo depressão, ansiedade, transtornos de humor, transtornos de ansiedade, traumas, problemas de relacionamento, entre outros. É uma ferramenta valiosa para promover o autoconhecimento, desenvolvimento pessoal e a melhoria geral da qualidade de vida.

A avaliação psicológica pode incluir uma variedade de instrumentos e técnicas, como entrevistas clínicas, questionários, testes psicológicos padronizados, observação direta e análise de registros históricos do cliente. Esses métodos são selecionados com base na finalidade específica da avaliação e nas características individuais do cliente.

É importante ressaltar que a avaliação psicológica deve ser conduzida por profissionais qualificados, neste caso são os psicólogos e psicólogas, que possuam treinamento adequado para interpretar e utilizar os resultados de forma ética e precisa. Os resultados obtidos ajudam os profissionais a entenderem melhor o cliente e a fornecerem orientações e intervenções adequadas, visando o bem-estar e a melhoria da qualidade de vida da pessoa avaliada.

Perícia administrativa é o processo de exame psicológico para CR ou CAC (tiro desportivo), Porte ou Posse de Arma de Fogo. 

Perícia Judicial: nesta área atuo como Assistente Técnico no Exame Criminológico para possível progressão de pena.

Ansiedade e depressão são dois dos transtornos mentais mais comuns e debilitantes que afetam milhões de pessoas ao redor do mundo. Embora sejam condições distintas, elas podem ocorrer simultaneamente em algumas pessoas ou de forma independente.

  1. Ansiedade: A ansiedade é uma resposta natural do corpo a situações percebidas como ameaçadoras ou estressantes. É uma emoção comum que todos experimentamos em momentos de tensão ou preocupação. No entanto, quando a ansiedade se torna excessiva, persistente e fora de proporção em relação à situação, pode se tornar um transtorno de ansiedade.

Os transtornos de ansiedade incluem várias condições, como transtorno de ansiedade generalizada (TAG), transtorno do pânico, fobias específicas, transtorno de estresse pós-traumático (TEPT), entre outros. Os sintomas de ansiedade podem incluir preocupação constante, medos intensos, irritabilidade, tensão muscular, dificuldade em relaxar, problemas de sono e dificuldade de concentração.

  1. Depressão: A depressão, por sua vez, é uma condição de saúde mental caracterizada por sentimentos persistentes de tristeza, desesperança, perda de interesse em atividades antes prazerosas e alterações na energia e no apetite. É muito mais do que apenas se sentir triste temporariamente; é uma condição clínica que pode afetar significativamente o funcionamento diário e a qualidade de vida de uma pessoa.

Os sintomas da depressão podem variar, mas geralmente incluem tristeza profunda, falta de motivação, fadiga, alterações no sono e no apetite, sentimentos de culpa e baixa autoestima, dificuldade de concentração e, em alguns casos, pensamentos de morte ou suicídio.

Muitas vezes, a ansiedade e a depressão podem estar interligadas, e algumas pessoas podem experimentar sintomas de ambas as condições simultaneamente. Essa combinação é conhecida como transtorno de ansiedade e depressão, e pode ser ainda mais desafiadora de lidar, exigindo uma abordagem de tratamento adequada.

Ambas as condições podem ser tratadas com sucesso através de terapia psicológica (como a psicoterapia) e, em alguns casos, com o uso de medicamentos antidepressivos ou ansiolíticos prescritos por um profissional de saúde mental. O tratamento deve ser personalizado, considerando as necessidades individuais do paciente.

É essencial buscar ajuda profissional se você ou alguém que você conhece estiver enfrentando sintomas de ansiedade ou depressão, pois o tratamento adequado pode proporcionar alívio e melhorar significativamente a qualidade de vida.

A terapia cognitivo-comportamental (TCC) é uma abordagem terapêutica amplamente utilizada para tratar uma variedade de questões emocionais e problemas comportamentais, incluindo dificuldades nos relacionamentos. Essa abordagem terapêutica se concentra na conexão entre nossos pensamentos, emoções e comportamentos, buscando identificar e modificar padrões disfuncionais que podem estar afetando negativamente nossos relacionamentos.

Quando aplicada a questões de relacionamento, a TCC geralmente aborda os seguintes aspectos:

  1. Identificação de crenças e pensamentos negativos: O terapeuta ajuda os indivíduos a identificar pensamentos e crenças negativas sobre si mesmos, seus parceiros e seus relacionamentos. Esses pensamentos podem levar a comportamentos inadequados e reações emocionais prejudiciais.

  2. Exploração de padrões de comunicação: A TCC ajuda os parceiros a melhorar suas habilidades de comunicação, aprendendo a expressar suas necessidades, desejos e sentimentos de maneira mais clara e assertiva. Isso pode evitar mal-entendidos e conflitos desnecessários.

  3. Mudança de comportamentos disfuncionais: A terapia ajuda a identificar comportamentos disfuncionais nos relacionamentos, como evitação, agressividade ou excessiva dependência emocional, e busca substituí-los por comportamentos mais saudáveis e construtivos.

  4. Resolução de conflitos: A TCC ajuda os casais a aprender a resolver conflitos de forma construtiva, através do diálogo aberto e do desenvolvimento de habilidades para lidar com desacordos e diferenças de opinião.

  5. Estabelecimento de metas e objetivos: O terapeuta ajuda os parceiros a identificar metas e objetivos para o relacionamento e a trabalhar juntos para alcançá-los.

  6. Reforço de comportamentos positivos: A TCC enfatiza a importância de reforçar comportamentos positivos nos relacionamentos, aumentando a satisfação e a intimidade entre os parceiros.

A terapia cognitivo-comportamental é uma abordagem orientada para metas e geralmente é realizada em sessões estruturadas. O terapeuta trabalha em conjunto com o casal para estabelecer objetivos terapêuticos específicos e desenvolver estratégias para alcançá-los.

A TCC pode ser realizada tanto com casais quanto com indivíduos que buscam melhorar seus relacionamentos. Essa abordagem tem se mostrado eficaz para ajudar casais a superar dificuldades, melhorar a comunicação, aumentar a compreensão mútua e fortalecer a intimidade emocional, contribuindo para relacionamentos mais saudáveis e satisfatórios

A terapia cognitivo-comportamental (TCC) também é uma abordagem eficaz para tratar a dependência emocional. A dependência emocional é uma condição em que uma pessoa se torna excessivamente dependente emocionalmente de outra, buscando constantemente aprovação, validação e segurança emocional no relacionamento. Essa dependência pode ser prejudicial para a pessoa afetada e para o relacionamento como um todo, pois pode levar a dinâmicas disfuncionais, falta de autonomia emocional e dificuldades de comunicação.

Na terapia cognitivo-comportamental para a dependência emocional, o terapeuta trabalha com o indivíduo para identificar e modificar os padrões de pensamento, emoções e comportamentos que sustentam essa dependência. Alguns dos principais aspectos abordados na terapia incluem:

  1. Autoconsciência: O terapeuta ajuda o indivíduo a se tornar mais consciente de seus padrões de dependência emocional e a compreender como esses padrões afetam sua vida e bem-estar.

  2. Identificação de crenças disfuncionais: A TCC ajuda o indivíduo a identificar crenças negativas sobre si mesmo e seus relacionamentos que contribuem para a dependência emocional. Essas crenças podem incluir a ideia de que não é digno de amor ou que não pode ser feliz sozinho.

  3. Reframing de pensamentos: O terapeuta trabalha com o indivíduo para substituir pensamentos negativos e distorcidos por pensamentos mais realistas e saudáveis. Isso ajuda a desenvolver uma visão mais equilibrada de si mesmo e do relacionamento.

  4. Desenvolvimento da autoestima e autoconfiança: A TCC visa fortalecer a autoestima e a autoconfiança do indivíduo, ajudando-o a reconhecer seu próprio valor e capacidades independentemente de um relacionamento.

  5. Estabelecimento de limites saudáveis: A terapia ajuda o indivíduo a aprender a estabelecer limites saudáveis em seus relacionamentos, promovendo sua independência emocional e respeitando suas próprias necessidades e desejos.

  6. Desenvolvimento de habilidades de enfrentamento: O terapeuta auxilia o indivíduo a desenvolver habilidades para lidar com a ansiedade, a solidão e outras emoções desconfortáveis que podem surgir quando tenta diminuir a dependência emocional.

  7. Exploração de relacionamentos passados: A TCC pode incluir a exploração de relacionamentos passados e padrões recorrentes para entender melhor como a dependência emocional se desenvolveu.

A terapia cognitivo-comportamental é uma abordagem ativa e orientada para metas, na qual o terapeuta e o cliente trabalham em conjunto para definir objetivos específicos e desenvolver estratégias para alcançá-los. Ao longo do processo terapêutico, o indivíduo pode adquirir habilidades importantes para desenvolver relacionamentos mais saudáveis, equilibrados e gratificantes, baseados em autonomia emocional e respeito mútuo.

PSICOTERAPIA 

Algumas situações em que a psicoterapia
individual pode te ajudar:

– Depressão;
– Elaboração de Luto;
– Síndrome do Pânico;
– Stress Pós-traumático;
-Transtorno de Personalidade Borderline;

–Transtornos de Personalidade;

– Transtorno Afetivo Bipolar;

– Transtornos Alimentares;
-Transtornos de Autoimagem;
– Transtorno de Ansiedade;
- Fobias;
– Dificuldades de relacionamento familiar, conjugal e no trabalho;
– Momentos de transição na sua vida (Nascimento de filho, Separação, Mudança de Emprego, Mudança de Cidade).

O que é Psicoterapia?

Nossa equipe

Fazer Psicoterapia é uma escolha que fazemos quando desejamos iniciar uma jornada em busca do autoconhecimento e da própria essência.

A psicoterapia é valiosa pois, através dela, podemos ter consciência dos nossos desejos, anseios, medos e os motivos que nos levam a fazer o que fazemos e nos relacionar da forma como nos relacionamos.

A terapia individual é um processo de reconhecimento e autodescoberta e torna-se uma aliada no enfrentamento de dificuldades. 

Ao falar sobre os seus próprios conflitos você poderá contribuir muito para uma relação mais harmoniosa consigo mesmo e com os outros e a minha missão como Psicóloga é auxiliar nesta caminhada tão especial e única.

A psicoterapia é um processo de desvendar-se.

Fale conosco

Notícias